Edição
Edição
Sulminas146

Sul de Minas

Carnaval de Passa-Quatro renasce com originalidade

Com menor orçamento, festa resgata marchinhas e abre espaço para músicos da região. Itanhandu e Itamonte também em destaque.

O carnaval de Passa-Quatro de 2016 agradou os foliões que pularam os cinco dias com tranquilidade e boa música, o que há anos era uma reclamação constante.

Com estrutura menor, os organizadores buscaram resgatar as marchinhas e de forma acertada deram vez a músicos e artistas da cidade e região. E foi com as “pratas da casa” que turistas e moradores se divertiram.

Na sexta-feira, o DJ Rennan Diniz abriu os trabalhos. No sábado, a abertura oficial com a presença de autoridades e o passeio com o trem partindo do Hotel Recanto das Hortênsias até o centro da cidade. Depois, boa percussão com os Tambores da Mantiqueira do CRAS e ainda teve a Charanga de Iramir, da cidade de Itanhandu, que levantou a poeira com as marchinhas mais que conhecidas e ao som dos metais, como trompete, trombone e outros instrumentos de sopro.

Foto: Paulo Fontes
Carnaval de Passa-Quatro teve muita marchinha
Carnaval de Passa-Quatro teve muita marchinha

Entre sábado e terça, as noites ficaram por conta do passa-quatrense Will Mota, que comandou a banda Lombinho com Cachaça, de Belo Horizonte, com som eclético e para todos os gostos.

No domingo, destaque para a bateria Unidos de Passa-Quatro e o concurso de blocos na avenida Tenente Viotti.

Mais Charanga do Iramir na segunda-feira para abrir alas e a avenida lotou mais uma vez.

Na terça-feira, o encerramento do carnaval começou com a agradável matinê, onde pais e filhos se divertiram. Já à noite mais uma vez ficou por conta da banda Lombinho com Cachaça.

Muitos rostos conhecidos na multidão deram a essa festa um ar de que os velhos carnavais possam voltar e com boa música. É um grito de esperança para que Passa-Quatro tenha dias de folia nos próximos anos como antigamente.

Bloco das Piranhas foi um dos destaques em Itamonte

Foto: Átila Naddeo
Carnaval em Itamonte
Carnaval em Itamonte

O Bloco das Piranhas mais uma vez foi destaque no Carnaval de Itamonte. Já tradicional na cidade, concentrou inúmeros foliões que se vestiram de mulher (os homens) e de homens (as mulheres). A festa das “piranhas” começou por volta de 21 horas na concentração do bloco que foi até a praça da Matriz puxado por um pequeno trio elétrico. Madrugada adentro, mais de 100 foliões se divertiram no Bloco das Piranhas.

Carnaval com muitas atrações em Itanhandu

Foto: divulgação
Carnaval em Itanhandu
Carnaval em Itanhandu

Em Itanhandu, os tradicionais blocos Vai Quem Quer e o De Pijama foram uma das atrações dos dias de folia na cidade, acompanhados pelo Itambatuque, que fez a animação dos foliões. A banda da Terra segurou os foliões na Praça Central entre sexta-feira e domingo. Ainda no domingo, houve matinê com o grupo de pagode Arte Rara de Passa-Quatro e o bloco das Viúvas, na companhia do Itambatuque e da Charanga do Iramir. Segunda e terça ficou por conta da grande atração Karina Kooper, no palco principal, que agitou Itanhandu com o muito axé music. E para encerrar, na tarde de terça, não podia faltar mais Charanga do Iramir.

Siga o Sulminas146 no Facebook e no Twitter

Seja o primeiro a comentar