Edição
Edição
Sulminas146

Destaque no Sulminas146

Marcos e painéis da Estrada Real estão se deteriorando no Sul de Minas

Preservação e revitalização dos entornos das antigas estradas reais, vem sofrendo com a falta de manutenção e reposição de suas peças.

Do Popular.net

Alguns marcos implantados nas cidades do Circuito das Águas para sinalizar o roteiro do Projeto Estrada Real, que foi formulado em 2001 pelo Instituto Estrada Real, sociedade civil, sem fins lucrativos, criada pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) com a finalidade de valorizar o patrimônio histórico-cultural, estimular o turismo, a preservação e revitalização dos entornos das antigas estradas reais, vem sofrendo com a falta de manutenção e reposição de suas peças.

Marco sinalizador encontra-se a meses derrubado em são Lourenço (Foto: Rogério Brasil)

Marco sinalizador encontra-se a meses derrubado em são Lourenço (Foto: Rogério Brasil)

Em São Lourenço, no Sul de Minas, já está se tornado comum encontrar esses marcos derrubados ou vandalizados. Um exemplo do caso é o marco que sinaliza a estrada antiga para Pouso Alto, próximo ao portal de São Lourenço. A meses o mesmo se encontra derrubado as margens da estrada sem qualquer sinal de seus responsáveis, para recoloca-lo no lugar, o que transpassa descaso com o projeto turístico.

Em Carmo de Minas, uma Placa com cerca de 2 metros de altura, simplesmente caiu e toda a informação contida nela, simplesmente foi destruída por vândalos, ficando apenas a estrutura caída sobre a grama.

Em Carmo de Minas, Painel da estrada real só tem o "esqueleto" (Foto: Rogério Brasil)

Em Carmo de Minas, Painel da estrada real só tem o “esqueleto” (Foto: Rogério Brasil)

Seja o primeiro a comentar