Edição
Edição
Sulminas146

Agenda

Minas Gerais sedia a maior feira do agronegócio café no Brasil

Estado é o maior produtor de café do país e responsável por 17% da produção mundial.

18ª edição da Expocafé

18ª edição da Expocafé acontece em Três Pontas (foto: divulgação)

Entre os dias 1 e 3 de julho, a cafeicultura nacional, líder na produção mundial de café, irá conhecer as principais novidades e tecnologias para o setor, durante a 18ª edição da Expocafé realizada no Campo Experimental da Epamig, em Três Pontas, no Sul de Minas.

A Epamig, co-realizadora do evento, integra a programação com a organização das dinâmicas de campo, minicursos e informações tecnológicas. Durante as Dinâmicas de Campo, setorizadas em pesquisa e extensão, colheita e manejo, os participantes poderão conhecer na prática o funcionamento de equipamentos instalados nas lavouras de café da Campo Experimental. Nas estações de campo, 12 empresas apresentarão o desempenho de derriçadeiras, colhedoras de café, sopradores, esqueletadeiras. Também serão apresentados por pesquisadores da Epamig temas como controle de doenças e pragas do cafeeiro, variedades de café recomendadas para a agricultura mineira, nutrição de cafeeiro e uso de herbicidas e tecnologias de aplicação.

No Ciência Móvel, ônibus itinerante transformado em um pequeno laboratório para demonstração de pesquisas, o pesquisador Vicente Carvalho irá repassar informações para controle de doenças recorrentes na cafeicultura: ferrugem, mancha-de-Phoma e cercosporiose. De acordo com o pesquisador, que há 30 anos estuda doenças do cafeeiro, no caso da incidência de ferrugem, o produtor deve-se fazer três perguntas antes de adquirir um produto para controle: “a carga da minha lavoura este ano é alta, ou seja, o pé está carregado de café? O sistema de cultivo é adensado? E qual a incidência de ferrugem?”, indaga. Vicente irá explicar como fazer o monitoramento do talhão e apresentar alternativas de prevenção e controle. “O cafeicultor já tem, por exemplo, acesso à cultivares de café resistentes à ferrugem, indicadas para cultivo consorciado com arbóreas”.

De acordo com o presidente da Epamig, Rui Verneque, a Expocafé é uma vitrine da pesquisa em cafeicultura. “Além de conhecerem lançamento em máquinas e equipamentos, os cafeicultores podem visitar as lavouras do Campo Experimental e ter acesso à tecnologias desenvolvidas pela pesquisa agropecuária mineira ao longo de 40 anos”, ressalta.

Minicursos

Novas cultivares para produção de cafés especiais e degustações comentadas de vinho e azeite serão temas dos minicursos realizados no estande da Epamig durante a 18ª Expocafé. O pesquisador da Epamig Marcelo Malta irá apresentar as principais características agronômicas de algumas cultivares de café lançadas pelas Epamig como Catiguás MG1 e MG2, Araponga e Paraíso 2. Os participantes poderão ainda degustar cafés especiais de algumas dessas cultivares.

As inscrições para as dinâmicas de campo e minicursos são gratuitas e podem ser feitas no estande da Epamig durante o evento.

Expocafé 2015  – 1 a 3 de julho
Campo Experimental da EPAMIG – rodovia MG 167, em Três Pontas (MG)
Horário: 8h às 18h, com entrada gratuita

6º Simpósio de Mecanização da Lavoura Cafeeira
Local: Tenda de eventos da Campo Experimental da Epamig
30 de junho de 2015
Horário: 8h às 18h , com inscrições prévias

Do Secretaria da Agricultura

Leia mais notícias da região no Sulminas146

Acompanhe Sulminas146 no Facebook e no Twitter

Seja o primeiro a comentar