Edição
Edição
Sulminas146

Destaque no Sulminas146

Sulminas146 lança aplicativo de guia turístico de Passa Quatro

Pelo celular ou tablet, turistas e moradores poderão ter informações de Passa Quatro na palma da mão. Até o final de abril e começo de maio, o aplicativo será abastecido com informações dos estabelecimentos comerciais da cidade, nas abas Atrativos, Compras, Contrate um Guia, Gastronomia e Hospedagem.

Do Sulminas146

Tela com as seções do aplicativo (foto: Sulminas146)

Tela com as seções do aplicativo (foto: Sulminas146)

O Sulminas146 lança essa semana o aplicativo “Passa Quatro”, que traz informações turísticas e comerciais da cidade do Sul de Minas. É o primeiro produto comercial do site, desde quando foi inaugurado, em agosto de 2014.

A ferramenta é inédita na cidade e elenca informações como a história do município, os atrativos, calendário oficial do município, guia de compras e outras seções, como mural de recados e contato.

Baixe o app: http://app.vc/passaquatro-mg

“Percebemos que há uma carência de informações para uma cidade que tem no turismo uma economia promissora e fizemos esse aplicativo no intuito de oferecer conteúdo de qualidade e atender a necessidade das pessoas de terem um guia e aproveitar melhor tudo que há de bom em Passa Quatro”, disse o editor do Sulminas146, Petterson Rodrigues.

Segundo Rodrigues, há muita informação sobre Passa Quatro, porém, com conteúdos distribuídos em várias páginas da internet, o que dificulta o acesso e o uso dessas informações de forma útil.

“Fizemos uma pesquisa entre amigos e familiares no final do ano e percebemos que existe essa dificuldade do que fazer no final de semana, como chegar, onde ir, onde comer. E a partir dessa constatação começamos a construir o aplicativo”.

O aplicativo de Passa Quatro pode ser baixado pelo endereço http://app.vc/passaquatro-mg e é gratuito. Em breve o aplicativo estará disponível no Google Play Store.

Aplicativo vai ajudar turistas e moradores (divulgação)

Aplicativo vai ajudar turistas e moradores (Foto: Sulminas146)

Além das seções sobre a Cidade, Atrativos, Calendário, Mural de Recado, Contato, o aplicativo contempla também uma aba para Comércios e Serviços, Compras, Contrate um Guia, Hospedagem, Gastronomia, Apoio e Notícias.

“O turista poderá, com informações do aplicativo, entrar em contato com guias de turismo que atuam na cidade e marcar um passeio entre as diversas cachoeiras da cidade, por exemplo. O mural de recado abre espaço para que as pessoas façam comentários sobre os pontos turísticos, os restaurantes, etc. E ainda podem acompanhar notícias da cidade e da região de dentro do aplicativo, por meio de um link com o site Sulminas146”, conclui o editor do site.

Até o final de abril e começo de maio, o aplicativo será abastecido com informações dos estabelecimentos comerciais da cidade, nas abas Atrativos, Compras, Contrate um Guia, Gastronomia e Hospedagem. “Com uma taxa semestral acessível, qualquer empresário da cidade pode ter seu estabelecimento no aplicativo, podendo ser visto por centenas de turistas e moradores que já começaram a baixar o aplicativo”.

Para quem tiver interesse, deve entrar em contato pelo telefone 35 9107-3199 ou pelo email: [email protected]

Outros aplicativos

Petterson Rodrigues explicou ainda que outros aplicativos devem ser criados pela equipe do Sulminas146. Segundo ele, está em negociação a ferramenta para outras cidades.

“Além de estarmos criando o aplicativo do nosso site, o Sulminas146, estamos em negociações com algumas empresas e com outras cidades do Sul de Minas, porque entendemos que a ferramenta é importante para estas pequenas cidades e que têm dificuldades de ter essas informações para facilitar a vida do turista. O crescimento em mobilidade justifica investir em aplicativo. Este ano, o Brasil deve chegar a 50 milhões de smartphones. No mundo, os aplicativos deram um salto de 115% em 2013 de crescimento, e estamos falando de 270 milhões de celulares no nosso país, com crescimento de 22% de usuários na internet ao ano. E nós, brasileiros, somos os que passam mais tempo na internet no mundo.”

Leia mais notícias da região no Sulminas146

Acompanhe Sulminas146 no Facebook e no Twitter

Seja o primeiro a comentar